Brasil passa o Reino Unido ao bater mais de 250 mil casos confirmados de Covid-19; total de mortes vai a 16.792

Foram novos 674 registros de mortes em 24 horas. Com a atualização, Brasil supera o Reino Unido e tem o terceiro maior total de casos confirmados.

18/05/2020 19h17  Atualizado há 4 horas


Mortes por coronavírus no Brasil em 18/05/2020 — Foto: Arte/G1

Mortes por coronavírus no Brasil em 18/05/2020 — Foto: Arte/G1

O Ministério da Saúde divulgou nesta segunda-feira (18) seu mais recente balanço de mortes e casos confirmados de Covid-19. Os principais dados são:

  • 16.792 mortes, eram 16.118 no domingo
  • Em 24 horas, foram mais 674 novas mortes registradas
  • 254.220 casos confirmados, eram 241.080 casos no domingo
  • Em 24 horas, foram mais 13.140 casos

De acordo com o ministério, 136.969 pacientes estão em acompanhamento (53,9% do total) e 100.459 estão recuperados (39,5%).

Brasil passa a ser o terceiro país com mais casos confirmados de Covid-19

Brasil passa a ser o terceiro país com mais casos confirmados de Covid-19

Terceiro em número de casos no mundo

Com a atualização desta segunda, o Brasil tem mais casos confirmados que o Reino Unido. De acordo com o monitoramento da Universidade Johns Hopkins, o Reino Unido tinha, até 19h45, pouco mais de 247 mil casos. No topo da lista ainda aparecem a Rússia (290 mil) e Estados Unidos (1,5 milhão).

Os números apontam apenas o total de casos, e não consideram fatores como população ou subnotificação. O Reino Unido tem pouco mais de 65 milhões de habitantes, enquanto o Brasil tem uma população estimada em mais de 210 milhões. No Brasil, especialistas apontam que o número de casos é ainda maior por causa da dificuldade de acesso a testes.

O Reino Unido contabilizou sua primeira morte em 6 de março, e pouco mais de 1 mês depois já marcava as 10.760 vítimas. O pico aconteceu dias depois, em 21 de abril, quando o país registrou 1.172 mortes em apenas 24 horas. No Brasil, a primeira morte por Covid-19 ocorreu em 17 de março.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *